logo

 

Enquete

Gás de Folhelho

Vamos ter uma revolução do gás de folhelho no Brasil?

» Go to poll »
1 Votes left

jVS by www.joomess.de.


Fluxo de trabalho Geological Expression 2D

Geological Expression 2D 

Para cobrir a elevada demanda por interpretação 2D, a ffA apresenta o Geological Expresion 2D, o fluxo de trabalho que busca apoiar o continuo desenvolvimento da indústria de Óleo e Gás. Ele foi desenvolvido para fazer a ligação entre o processamento e a interpretação extraindo a informação geológica diretamente dos dados sísmicos.

Leia mais...

Parceria Petrobras - OGX ????

Parceria Petrobras - OGX ????

Após ter tido um ano (de 2012) complicado, em que viu sua fortuna encolher, Eike Batista busca apoio do Governo Federal para firmar uma aliança com a Petrobras que permita desenvolver pelo menos um entre os principais projetos do Grupo EBX: o Porto do Açu. 

Leia mais...

Haroldo Lima: O petróleo na América do Sul

Haroldo Lima: O petróleo na América do Sul

Com a criação da União de Nações Sul-Americanas (Unasul), em 2008, a articulação do Mercosul com a Comunidade Andina de Nações (CAN), entrou em nova fase. Passou a funcionar o Conselho Ministerial de Energia, ao lado do Conselho Energético Sul-Americano, criado um pouco antes. Um Tratado Energético Sul-Americano será elaborado.

Leia mais...

Geologia & Salários

Geologia & Salários

Sou Geólogo e falo embasado em uma experiência de 42 anos: a Geologia não é uma profissão comum. Ela é muito mais do que um simples salário sendo uma das profissões mais interessantes e plenas que existem. (Artigo de Pedro Jacobi no portal do Geólogo)

Leia mais...

Terra e ciência sinalizam: o futuro é hoje, e é quente

Terra e ciência sinalizam: o futuro é hoje, e é quente

A reunião dos 194 países-membros da Convenção do Clima em Doha, no Catar (22/11 a 7/12), não conseguiu nenhum avanço importante - a não ser a prenunciada prorrogação, até 2020, do Protocolo de Kyoto, (Artigo de Washington Novaes, publicado no O Estado de S. Paulo de 14/12/2012)

Leia mais...

As chuvas chegaram. Como estamos?

As chuvas chegaram. Como estamos?

O geólogo Álvaro Rodrigues dos Santos, ex-diretor de Planejamento e Gestão do IPT e ex-diretor da Divisão de Geologia, coloca a questão: "Estamos hoje melhor preparados, as medidas adotadas pelos administradores públicos de diversos níveis, sob a intenção de reduzir a vulnerabilidade das populações mais ameaçadas por esses conhecidos fenômenos, estão em um rumo correto? 

Leia mais...

Petróleo: um erro estratégico

Petróleo: um erro estratégico

A revisão do modelo regulatório deveria entrar na agenda, sob pena de se perder oportunidade histórica. Esse tipo de equívoco é o que se denomina de "erro estratégico".

Leia mais...

Cenário e perspectivas do mercado de Óleo e Gás

Cenário e perspectivas do mercado de Óleo e Gás

Às vésperas do fechamento de 2012, momento em que as empresas reduzem seus processos de contratação e começam a planejar os seus orçamentos para o ano seguinte, já é possível fazer um overview do cenário no que tange o recrutamento de profissionais, bem como inferir quais as tendências desse mercado para 2013.

Leia mais...

A condenação de sismólogos na Itália

A condenação de sismólogos na Itália

Foi com grande espanto que o mundo recebeu a notícia sobre a condenação de pesquisadores (vulcanólogos e sismólogos) e engenheiros sísmico e hidráulico, que compuseram a Comissão Italiana de Previsão e Prevenção de Grandes Riscos e que havia se reunido no dia 31.03.2009 para analisar a atividade sísmica contínua que estava ocorrendo em L'Aquila, na região central da Itália. Afinal, qual o crime que eles teriam cometido?

Leia mais...

Aquecimento global: ação humana?

Aquecimento global: ação humana?

Existe uma grande controvérsia neste aspecto. Será o aquecimento causado pela evolução secular das atividades geológicas e solares, ou pelo efeito cumulativo da ação humana na produção de gases, especialmente CO2, os quais seriam responsáveis por um desequilíbrio do efeito estufa terrestre? (Artigo de Domingos SL Soares)

Leia mais...

A culpa não pode morrer casada com tanta gente

A culpa não pode morrer casada com tanta gente

A implacável e surpreendente espada da Justiça italiana condenou a seis anos de prisão seis cientistas considerados culpados pelo homicídio de 309 pessoas, tantas quantas morreram em Áquila, na sequência de um tremor de terra ali ocorrido em Abril de 2009. 

Leia mais...

Uma contribuição para as Ciências do Mar

Uma contribuição para as Ciências do Mar

Os elementos motivadores para redigir esta pequena nota foram estimulados por situações recentes em nível internacional (Simpósio sobre Acidificação dos Oceanos) e nacional (Reunião na Academia Brasileira de Ciências, Edição Especial do Brazilian Journal of Biology e a aquisição de novo Navio Oceanográfico). Artigo de Carlos Eduardo Rezende publicado no Jornal da Ciência.

Leia mais...

O petróleo e o gás natural

O petróleo e o gás natural

A viabilidade econômica da extração de petróleo e gás natural não convencional vem alterando as previsões com relação ao papel dos combustíveis fósseis na matriz energética mundial. (Artigo do economista Adriano Pires no jornal Brasil Econômico)

Leia mais...

Leilão do pré-sal sob regime de partilha esbarra na Petrobras

Leilão do pré-sal sob regime de partilha esbarra na Petrobras

Anunciado pelo governo para novembro de 2013, o primeiro leilão do pré-sal sob o regime de partilha de produção encontra um obstáculo maior do que a aprovação no Congresso do novo modelo de repartição dos royalties do petróleo entre Estados e municípios: o desinteresse da Petrobras na iniciativa.

Leia mais...

Interpretação de sísmica multicomponente???

Interpretação de sísmica multicomponente???

A sísmica multicomponente (ainda?) não deslanchou como previram alguns gurus das tendências tecnológicas e, principalmente, como pretendiam as empresas de aquisição sísmica.

Leia mais...

Shale gas shakes up the world energy markets

Shale gas shakes up the world energy markets

Shale gas has the potential to turn the world's energy industry on its head. It's abundant. It's cheap. It burns cleaner than fossil fuels. And it's being found almost everywhere.

Leia mais...

Acordo político é a saída para os royalties do petróleo

Acordo político é a saída para os royalties do petróleo

A distribuição de royalties e participações especiais sobre a produção de petróleo passou a ser motivo de disputa no Congresso.

Leia mais...

O potencial petrolífero brasileiro além do pré-sal

O potencial petrolífero brasileiro além do pré-sal

O geólogo Pedro Victor Zalán, da ZAG Consultoria em Exploração de Petróleo, analisa o potencial de recursos convencionais das bacias marítimas (offshore) e terrestres (onshore) brasileiras e discorre sobre o potencial dos recursos de hidrocarbonetos não-convencionais das bacias terrestres, em artigo inédito e exclusivo para o Portal Geofísica Brasil.

Leia mais...

O petróleo depois da festa

O petróleo depois da festa

Passado o período de excitação e das falas exaltadas, o petróleo do pré-sal continua praticamente intocado no fundo do mar, a 7 mil metros da superfície. Não se definiu ainda o que fazer com tamanha riqueza. (Reportagem especial de Consuelo Dieguez - Revista Piauí - Setembro/2012)

Leia mais...

País deixa de aproveitar bom momento no petróleo

País deixa de aproveitar bom momento no petróleo

Governo deveria aproveitar a realização da grande feira Rio Oil&Gas para anunciar a retomada das rodadas de licitações de blocos para exploração

Leia mais...

Avalanche de dados na indústria de mineração

Avalanche de dados na indústria de mineração

A mineração é uma indústria que se caracteriza por gerar grandes volumes de informações derivados de duas categorias principais de trabalho: prospecção – armazenando a informação sobre a composição de solos – e produção, que detalha a operação funcional de uma mina. 

Leia mais...

Código florestal: águas ameaçadas

Código florestal: águas ameaçadas

No país dos superlativos, o gigantismo do nosso sistema hidrológico também entra no rol de maior do mundo: são mais de 9 milhões de quilômetros de rios. Enfileirados dariam 220 voltas na Terra, ou cobririam 22 vezes a distância à Lua.

Leia mais...

As gigantes do petróleo anunciam nova era de energia barata

As gigantes do petróleo anunciam nova era de energia barata

Em 2011, os investimentos em energia solar, eólica, geomassa, biomassa, somaram 260 mil milhões no mundo, mas agora o instinto de rebanho está a direcionar para o gás de xisto. Nada de investir em energias limpas, renováveis, o negócio é o gás de xisto. 

Leia mais...

O maior evento geocientífico do planeta

O maior evento geocientífico do planeta

Foi realizado até o dia 10 de agosto, em Brisbane, Austrália, a 34ª edição do Congresso Internacional de Geologia, maior evento geocientífico do planeta, que conta com o apoio da União Internacional de Ciências Geológicas (IUGS), da Unesco e de dezenas de instituições da área distribuídas por todo o mundo.

Leia mais...

Novo modelo para o pré-sal deveria ser revisto

Novo modelo para o pré-sal deveria ser revisto

As dificuldades que a Petrobras vem enfrentando para executar seu ambicioso plano de negócios mostram a necessidade de se rever essa tentativa de restabelecer um monopólio estatal ultrapassado e infrutífero. (Editorial de O Globo - 12/08/2012)

Leia mais...


Últimas notícias

As mais lidas